Boca suja, maternidade... a mulher romana desnudada

MáRIO SéRGIO LORENZETTO / CAMPO GRANDE NEWS


Como era a mulher no mundo romano? É difícil dizer, mas havia uma característica comum a todas elas: estavam sob o controle de um homem. E se esperava delas que tivessem filhos. Uma mulher em Roma sem filhos era muito mal vista. Essa era a razão número um de ser mulher e sua essência: a maternidade.

Não eram guerreiras. Os romanos não tiveram mulheres soldados e guerreiras. Isso lhes parecia antinatural. Lhes dava asco. Uma mulher deusa era comum e bem vista. Uma mulher em um campo de batalha parecia tão exótico como os seres descritos por Plinio, O Velho, com um pé que usavam como guarda-chuva. Mas existiram algumas gladiadoras. Todavia eram excentricidades, levadas ao Coliseu por imperadores loucos como Domiciano. Os romanos se encantavam com as raridades.

Vacas loucas e bestas preguiçosas. As mulheres condenadas podiam ser levadas à arena do Coliseu, mas deveriam ser mortas pelo ataque de vacas loucas. Muitas vezes, todavia, matavam-nas com espadas pela inércia das bestas preguiçosas. Era chocante como as levavam à arena. Atadas em macas, totalmente inertes, para serem mortas pelos animais.

'Mulher de família', mas boca suja. Uma mulher romana estaria horrorizada com o atual igualitarismo. Para elas, seria insultante. As mulheres atuais pareceriam a elas muito individualistas. Elas se preocupavam com a família, a posição social, o sobrenome e a linha genealógica. Mas o que mais as surpreenderia seria a ausência de escravos. Por outro lado, nós é que ficaríamos pasmos com as expressões usada pelas mulheres romanas, não vacilavam em usar palavrões. Não somos conscientes de quanto o cristianismo mudou a liberdade de expressão feminina. Os padres fecharam a boca das mulheres.

Roupas íntimas muito simples. Não haviam transparências e nem tecidos luxuosos para fazer as roupas íntimas das romanas. A seda custava uma verdadeira fortuna e não era usada para esse fim. Não havia lingerie. Os 'facias pectorales' eram apenas cintos muito simples e pequenos para cobrir os seios. Todos de algodão, lá ou linho. Foram encontrados alguns biquínis de couro, mas não se sabe se eram usados pelas gladiadoras ou esportistas. O 'subglaculum' , a cueca e calcinha, era igual para mulheres e homens. Isso quando o usavam.